Crédito com garantia de imóvel e financiamento: três dicas para conseguir aprovação

Homem lendo contrato de crédito com garantia de imóvel e financiamento.

Conseguir aprovação para crédito com garantia de imóvel ou para um financiamento parece difícil, mas com algumas dicas descomplicadas e sabendo exatamente a que ficar atento, é possível agilizar o processo. 

Já sabemos que para quem está pensando em investir em reformas, fazer uma poupança ou quitar dívidas, o refinanciamento pode ser uma ótima saída. E se você quer saber mais sobre isso, pode dar uma olhada nas nossas alternativas e no nosso passo a passo:

Como conseguir capital de giro com refinanciamento;

Usando o refinanciamento de imóvel para renegociar suas dívidas;

Passo a passo para o refinanciamento de imóvel;

Se seu objetivo é conquistar a casa própria, também existem alguns passos que vão te ajudar a chegar lá mais rápido. Então, sem complicação, hoje vamos falar sobre o que você realmente precisa ficar atento para conseguir aprovação no seu crédito com garantia ou financiamento. 

  1. Como a aprovação de crédito ou financiamento acontecem?
  2. Fique de olho no seu Score de Crédito;
  3. Reveja seus documentos e o que é requerido; 
  4. Escolha uma plataforma especializada;
  1. Como a aprovação de crédito acontece?

As aprovações de crédito com garantia, ou financiamento para conquistar seu primeiro imóvel, acontecem de maneira personalizada, a depender de cada situação, mas a dinâmica, como para qualquer aprovação de crédito, é bem parecida. 

O financiamento é uma modalidade de crédito exclusiva para quem quer investir em um bem. Quando alguém busca crédito para financiamento imobiliário, é ideal que tenha em mente que se trata de um valor alto, por isso, fintechs, plataformas e instituições financeiras realizam uma avaliação para garantir que o investimento será quitado. 

Já o crédito com garantia de imóvel, também chamado de refinanciamento, funciona como uma forma segura e com condições mais vantajosas de conseguir um empréstimo colocando como garantia a sua casa própria. É usado principalmente por conta de seus prazos maiores e juros mais baixos, para quitar dívidas, investir e até adquirir uma segunda casa. 

Ambas as modalidades precisam da segurança das duas partes. Por isso, a avaliação para aprovação vai checar documentos, renda e a pontuação do interessado como pagador, visando saber se existe risco de inadimplência de acordo com seu perfil financeiro. 

Então vamos às dicas para deixar tudo no jeito!

  1. Fique de olho no seu Score de Crédito;

O Score de Crédito é o índice da sua pontuação financeira como pagador e consumidor, que serve como bússola para saber o quanto você oferece risco de inadimplência. 

Se você acaba de entrar neste mundo e ainda não está familiarizado com o conceito, neste artigo explicamos tudo o que você precisa saber sobre o que é, como isso impacta seus juros, como aumentar sua pontuação e como ela é calculada:

Entenda o Score de Crédito e seu impacto na sua taxa de juros.

Checar como anda a sua “reputação” como pagador é fundamental em qualquer ocasião, mas principalmente se você busca financiar ou refinanciar. Tenha em mente que uma boa pontuação te oferece mais chances, e faz com que as instituições tenham mais segurança para te oferecer aprovação. 

Essa é uma das dicas mais importantes se você quer fazer isso de maneira mais rápida: não espere a avaliação. Descubra seu Score e esteja preparado para aumentá-lo. Assim, você já entra com a sua solicitação tendo mais chances. 

  1. Reveja seus documentos e o que é requerido:

Sabe aquela atualização em um documento que você está sempre procrastinando para fazer? Essa é a hora! Rever como andam suas declarações, escrituras, documentos de identificação e até a situação do seu título de eleitor, por exemplo, é fundamental para “passar uma boa imagem”. 

Além disso, quando você tem algum problema com a sua documentação, fica mais difícil arrumar tudo no meio do caminho. Desta forma, tenha certeza de que títulos, declarações de imposto e todo o resto esteja regularizado. 

Também é válido checar o seu CPF, mesmo sabendo o seu Score de Crédito. Tenha certeza que tudo o que está em seu nome tem boa situação.

Para entrar com a solicitação de crédito com garantia ou financiamento, tenha em mãos as originais e cópias dos seguintes documentos:

  • CPF;
  • RG;
  • Comprovantes de renda;
  • Comprovantes de residência;
  • Declaração de Imposto de Renda;
  • Carteira de Trabalho;
  • Certidão de Casamento (caso tenha);

Se você tem uma empresa, também vai precisar regularizá-la. Seja como MEI ou empresário, é fundamental que a sua atividade esteja registrada e seguindo os parâmetros exigidos. Assim, fica ainda mais fácil comprovar sua renda. 

  1. Escolha uma plataforma especializada;

Por último, escolher a instituição onde você fará a solicitação pode ser determinante para a sua aprovação. É de extrema importância que ela seja regulamentada e siga os parâmetros estabelecidos pelo Banco Central. Mas além disso, se ela for especializada, suas chances podem aumentar. Isso porque, plataformas de crédito e financiamento existem justamente para resolver tais assuntos, se dedicando inteiramente às avaliações e até mesmo ao atendimento. 

Tudo isso é uma vantagem tanto para você, quanto para a plataforma escolhida. Desta forma, pesquise a melhor opção e não hesite antes de pedir uma simulação!

Seguindo passos descomplicados, fica mais fácil garantir a aprovação de crédito e financiamento que você precisa. Acima de tudo, se mantenha regularizado e faça um bom planejamento antes de começar.

Para saber mais sobre o mercado financeiro, crédito e financiamento, conte com a Keycash. E se você já se decidiu sobre a sua solicitação, entre em contato! Estamos aqui para oferecer crédito descomplicado.

Assine nossa Newsletter

Receba conteúdos completos sobre investimentos, educação financeira e novos produtos.

    Você também pode gostar de: